Uma ideia destemida ou um sonho a ser construído? Anísio Teixeira e o projeto de educação brasileira

Palavras-chave: Anísio Teixeira, vida, obra

Resumo

O presente texto tem como escopo evidenciar aspectos relevantes sobre a vida e a obra de Anísio Teixeira (1900-1971) e, sobretudo, investigar os momentos decisivos da sua biografia, suas motivações como educador, bem como os aspectos da sua apropriação das ideias de John Dewey e a atualidade das suas concepções para pensar a educação brasileira contemporânea. O aporte teórico está pautado em uma pesquisa de cunho bibliográfico, a qual pode nos oferecer subsídios para compreendermos a trajetória do pensamento intelectual do autor para a realização de um projeto de educação brasileira. Anísio Teixeira foi um dos defensores de um movimento de entusiasmo pela educação e de um otimismo pedagógico, liderado pelos intelectuais que defendiam a expansão da escola pública, gratuita e laica. A mola propulsora da obra anisiana no campo da educação estava pautada na educação como um direito de todos, não apenas das elites e jamais como um privilégio para poucos. Esperamos que essa inspiração denominada aqui por ideia destemida ou talvez um sonho construído por ele possa nos impulsionar a acreditar em uma educação pública de fato igualitária, democrática e, sobretudo, de qualidade. Anísio Teixeira sonhou e, no seu sonho, viu uma escola eficiente para o povo brasileiro, e é com esse propósito que ainda lutamos por ela.

Biografia do Autor

Kamila Gusatti Dias, Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)

Doutoranda em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Unidade de Paranaíba, MS. Pós-Graduação em Educação Infantil e Anos Iniciais pela Universidade de Rio Verde, e Graduação em Pedagogia - licenciatura pela mesma Universidade. Realiza pesquisas na área de História e Historiografia da Educação, com ênfase em Instituições Escolares Protestantes. É associada da Sociedade Brasileira de História da Educação (SBHE), da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPED) e da Associação Nacional de História (ANPUH).

Kênia Guimarães Furquim Camargo, Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)

Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás). Mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. Especialização em Educação Infantil pela Universidade de Rio Verde, especialização em Matemática Superior pela Faculdades Integradas de Patrocínio (FIP). Graduação em Matemática pela Universidade de Rio Verde. Membro do grupo de pesquisa: Educação, História, Memória e Cultura em diferentes Espaços Sociais. Desenvolve pesquisas no campo da História e Historiografia da Educação Brasileira.

Maria Zeneide Carneiro Magalhães de Almeida, Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)

Doutorado em História pela Universidade de Brasília. Mestrado em Educação Filosofia e História da Educação pela Universidade Estadual de Campinas. Graduação em Pedagogia pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Atualmente é professor adjunto da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação, Memória, Formação de Professores, atuando principalmente nos seguintes temas: História e Memória da Educação, Cultura Escolar, formação de professores, educação do campo, história oral e cultural, história da educação mineira (noroeste) políticas educacionais, curso de pedagogia, grande sertão mineiro, gênero, diversidade étnico-cultural e patrimônio cultural.

Referências

BERTOLLETI, Vanessa Alves; COELHO, Marcos Pereira. Anísio Teixeira e o projeto da educação brasileira. In: XI Jornada do HISTEDBR, 2013, Cascável. Anais da XI Jornada do HISTEDBR, 2013.

BORTOLOTI, Karen Fernanda da Silva; CUNHA, Marcos Vinicius da. Anísio Teixeira: Pioneiro do Pragmatismo no Brasil. In: V Cinfe Congresso Internacional de Filosofia e Educação, 2010, Caxias do Sul. Anais do V Cinfe Congresso Internacional de Filosofia e Educação. Caxias do Sul: UCS, 2010.

CAVALIERE, Ana Maria. Anísio Teixeira e a educação integral. Revista Paidéia, v. 20, n. 46, mai-ago, pp 249-259, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, São Paulo, 2010.

GOUVÊA, Fernando César F. “Dr. Anísio, ele pensava e executava”: a trajetória de Anísio Teixeira no campo da formação de professores no Brasil (1924-1950). Revista Contemporânea de Educação, v. 4, pp. 447-467, 2009.

NUNES, Clarice. Trajetória intelectual e identidade do educador Anísio Teixeira (1900-

. Revista brasileira de estudos pedagógicos, Brasília, n. 197, v. 81, p. 154 – 165. 2000.

______. Anísio Teixeira: a poesia da ação. Rio de Janeiro: Pontifícia Universidade

Católica do Rio de Janeiro, Tese (Doutorado em Ciências Humanas: Educação). 1991.

______. Anísio Teixeira. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, Editora Massangana,

PEREIRA, Guilherme Gravina. Anísio Teixeira: o percurso de um educador destemido contra a oligarquia. Revista REBELA, v. 4, jan/abr, 2014.

SAVIANI, Demerval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 4. ed. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 2013.

SILVA, Sandra Lara da. Anísio Teixeira: pensamento, ação e contemporaneidade na busca por uma educação democrática. In: EDUCERE, 2015, Curitiba. EDUCERE, 2015.

TEIXEIRA, Anísio. Educação não é privilégio. 5. ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1994. (Original publicado em 1957).

VIANA FILHO, Luís. Anísio Teixeira: A polêmica da educação. 3. ed. São Paulo: Editora UNESP, Salvador: EDUFBA, 2008.

Publicado
2021-06-10
Como Citar
Dias, K. G., Camargo, K. G. F., & Almeida, M. Z. C. M. de. (2021). Uma ideia destemida ou um sonho a ser construído? Anísio Teixeira e o projeto de educação brasileira. Série-Estudos - Periódico Do Programa De Pós-Graduação Em Educação Da UCDB, 26(56), 307-324. https://doi.org/10.20435/serie-estudos.v26i56.1420
Seção
Artigos