Políticas educacionais e pesquisa acadêmica: uma reflexão sobre a escola unitária em Antonio Gramsci enquanto um objeto de investigação

  • Maria de Lourdes Pinto de Almeida Unicamp
  • Giedre Teresinha Ragnini de Sá Secretaria Municipal de Educação de Lages, SC
Palavras-chave: Escola unitária. Gramsci e a escola. Educação escolar e princípio educativo.

Resumo

Este texto é fruto de uma pesquisa de Políticas Educacionais cujo objetivo foi refletir sobre a categoria de “escola unitária” de Antonio Gramsci destacando o compromisso político do autor para com a superação da sociedade capitalista e implementação de um novo modelo de sociedade, o que fica claro a partir da sua concepção do processo de trabalho. Portanto, para Gramsci, a “escola unitária” constitui-se numa proposta educacional voltada para a emancipação da classe trabalhadora. Consideramos importante ressaltar que essa alternativa de educação emancipatória encontra no princípio educativo gramsciano a unidade entre vida e escola. Assim, retoma o “ideal humanístico”, pressuposto necessário à civilização contemporânea, ou seja, que a escola transforme-se em devenir e, em consonância com Gramsci, “rica de noções concretas” para além da escola dos “interesses práticos” que confunde a democracia, pois se destina a perpetuar as diferenças sociais e a cristalizá-las como práticas emancipatórias.

Referências

FRIGOTTO, G. A nova e a velha faces da crise do capital e o labirinto dos referenciais teóricos. In: FRIGOTTO, G.; CIAVATTA, M. (Org.). Teoria e educação no labirinto do capital. Petrópolis, RJ: Vozes, 2001.

GRAMSCI, A. A concepção dialética da história. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1995.

_____. Os intelectuais e a organização da cultura. Tradução de Carlos Nelson Coutinho. 8. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1985.

HARVEY, D. Condição pós-moderna. 5. ed. São Paulo: Loyola, 1992.

LIBÂNEO, José Carlos. Adeus professor, adeus professora?: novas exigências educacionais e profissão docente. São Paulo: Cortez, 1998.

MANACORDA, Mário Alighiero. O princípio educativo em Gramsci. Tradução de Willian Lagos. Porto Alegre, RS: Artes Médicas, 1990.

NÓVOA, Antônio. Os professores na virada do milênio: do excesso de discursos à pobreza das práticas. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 25, n. 1, jan./jun 1999. Disponível em: <www.scielo.br/scielo>. Acesso em: 27 jul. 2015.

Publicado
2015-12-01
Seção
Artigos